Universidade Federal do Paraná

Menu

Ensino e Educação

“Um Dia na UFPR” divulga Curso Técnico em Petróleo e Gás para alunos de escolas de Curitiba e Região Metropolitana

Bruna Bertoldi Gonçalves     10 de junho de 2019 - 17h24

Cerca de 100 estudantes do 9º ano do ensino fundamental participaram da programação do “Um Dia na UFPR”. O objetivo do evento promovido na tarde da última sexta-feira, 7, no Setor de Educação Profissional e Tecnológica (Sept) foi divulgar à comunidade o Curso Técnico em Petróleo e Gás – o único de ensino médio integrado à educação profissional ofertado pela UFPR.

Na abertura, a diretora do Sept, professora Flávia Lúcia Bazan Bespalhok, deu as boas-vindas aos pais e aos estudantes. Duas alunas do último ano do curso apresentaram ao público informações sobre as aulas e sobre a área do Petróleo. Os participantes, a maioria de escolas públicas estaduais, foram divididos em grupos para interagir em oficinas das disciplinas de Matemática, Português, Inglês, Biologia, Geografia, Física, Química e Engenharia Mecânica.

“Um ganho para o público externo, que se sente um pouco parte da Universidade, e um ganho muito maior para os nossos alunos, que têm contato com realidades diferentes e aprendem a organizar um evento, falar sobre o que aprenderam, cuidar de uma turma durante as oficinas”, avalia a coordenadora do evento, professora Janaina Schoeffel.

João Vitor Moreira, que começa a pensar no futuro profissional, participou do evento. Ana Amélia Lemes acompanhou o filho. “Como existem vários cursos, a gente está começando agora a conhecer. Temos um amigo que faz o curso, gosta e estudou na mesma escola do João”, disse.

João Vitor e a mãe Ana Amélia receberam informações sobre o Curso Técnico em Petróleo e Gás da Federal e participaram das atividades realizadas no dia 7 de junho. Fotos: Leonardo Bettinelli/Sucom-UFPR

Os visitantes também puderam conheceram nove projetos apresentados por veteranos na Feira de Petróleo e Gás. “Temos demonstração da fórmula de Bhaskara; uma antena da área de Física, que faz a conversão do som; também, fractais, que são figuras muito bonitas da área da Matemática; amostras de petróleo e de plástico; mostra de Biologia com uma série de insetos que foram catalogados; um piano de bananas, projeto do pessoal de Informática, entre outros”, detalhou a coordenadora. Sete professores auxiliaram na organização das atividades.

Cerca de dois meses foi o tempo que Arthur Hideio e Flávia Midori levaram para desenvolver o projeto que apresentaram na feira de ciências. “É um piano de bananas com arduíno. O dispositivo ‘solta’ cinco volts, passa pelo corpo da pessoa que estiver encostando e passa para a banana. Quando a pessoa encosta na banana, ela transmite um sinal para o arduíno – retorna quase toda a voltagem, um pouquinho menos – que manda um sinal para o computador, que vai tocar uma tecla do piano”, explicou o estudante.

Flávia e Arthur, alunos do Curso Técnico em Petróleo e Gás da UFPR, apresentaram o projeto de um piano de bananas na feira de ciências realizada no Sept.

Anna Clara Noguti apresentou uma solução para reciclagem de embalagens metalizadas que costumam ser utilizadas para envolver alimentos. “Elas têm partes de alumínio e de plástico, e a reciclagem desses materiais não é feita, porque com dois materiais não pode ocorrer de forma física. O objetivo é fazer essa reação química de extração do alumínio. Estamos buscando também a reutilização desse plástico”, destacou a aluna do quinto semestre do curso e do terceiro ano do ensino médio.

Reciclagem de embalagens metalizadas foi o tema do projeto apresentado pela estudante Anna Clara na Feira do Petróleo.

“É muito bonito de ver o crescimento deles. São alunos de ensino médio, super interessados na pesquisa”, comentou a professora do Curso Técnico em Petróleo e Gás e orientadora da Anna Clara, Isabel Grova. Além de disciplinas do currículo do ensino médio, o curso oferece disciplinas técnicas relacionadas às áreas de Química, Física, Engenharia Mecânica e Química e Petróleo. O processo seletivo é realizado pelo Núcleo de Concursos da UFPR e oferta 30 vagas. Mais informações aqui.

O curso da UFPR existe desde 2009, tem duração de três anos e é realizado em período integral. As sete turmas já concluídas formaram cerca de 150 técnicos em petróleo e gás, informa Janaina. O profissional está apto a operar e controlar processos de produção, extração e refino de petróleo e gás natural. O certificado reconhecido pelo Conselho Regional de Química (CRQ) permite a atuação como técnico em química em indústrias, laboratórios, por exemplo.

Acesso o site do curso e a página no Facebook.