Universidade Federal do Paraná

Menu

+ UFPR

UFPR lança versão mais completa, ágil, segura e eficiente do Sistema Eletrônico de Informações

Superintendência de Comunicação Social     15 de dezembro de 2017 - 18h39

A Coordenadoria de Governança e Risco, unidade ligada à Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan), lançou hoje (dia 15) a versão 3.0 do Sistema Eletrônico de Informações (SEI). A nova versão é mais completa, ágil, segura e eficiente que a atual, lançada há ano. A UFPR foi a primeira universidade do Sul do Brasil a adotar esta ferramenta de gestão de processos e documentos eletrônicos.

Por meio de uma plataforma que pode ser acessada com um login e uma senha, os servidores da UFPR podem fazer, entre outras ações, o encaminhamento de documentos e ainda consultar processos sem o uso de papel. O SEI inclui a UFPR no projeto Processo Eletrônico Nacional (PEN), do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, que objetiva a modernização da administração pública federal. Em apenas um ano, o SEI possibilitou a assinatura eletrônica de 530 mil documentos

Vice-reitora Graciela de Muniz: “O novo SEI vai dar mais transparência e facilitar a gestão das informações”. Foto: Samira Chami Neves

Mais moderna

O coordenador da Coordenadoria de Governança e Risco, Aldemir Junglos, explica que a nova versão do SEI (que vai estar em pleno funcionamento, com todas as suas inovações, nos primeiros meses de 2018) agora pode ser acessada por telefone celular e traz benefícios tanto ao usuário (a ferramenta é mais ágil e de mais fácil utilização) quanto aos administradores (além da velocidade maior, o novo SEI oferece mais segurança e facilidade nas consultas). “A nova versão traz benefícios que as pessoas vão perceber assim que utilizarem a ferramenta”, afirma.

A vice-reitora da UFPR, Graciela Inês Bolzón de Muniz, elogiou a nova versão do SEI. Disse que o novo Sistema Eletrônico de Informações vai facilitar muitos procedimentos. “Ele vai dar mais transparência e facilitar a gestão das informações. Além disso, traz agilidade e sustentabilidade para o meio ambiente”, disse.

O pró-reitor de Planejamento, Fernando Mezzadri, também destacou a importância da ferramenta. “O SEI reduz muito o andamento dos processos e a burocracia interna. Aliás, fomos uma das primeiras universidades a implantar o Sistema, que, além de tudo, ajuda na preservação do meio  ambiente”, avaliou.