Universidade Federal do Paraná

Menu

Ciência e Tecnologia

UFPR e USP criam o jogo da vacina para estimular imunização

Aline Nunes     17 de fevereiro de 2021 - 16h23

 

As diferentes cores de vírus representam as variantes e cada uma tem comportamentos diferentes. Imagem: Jogo Vacc.

No Vacc o jogador assume o papel de vacinador para proteger a população do coronavírus. O desafio é conseguir aplicar as doses em situações difíceis, como aglomerações de pessoas e divulgação de fakenews. O jogo ensina de maneira divertida como funcionam o processo de imunização, a imunidade de rebanho, as variantes de vírus e os danos causados pelas notícias falsas e pelo não uso das máscaras. Para vencer, é preciso vacinar todos e eliminar o vírus.

Vacc

O jogo é gratuito e está disponível para computadores e celulares com sistema Android.  O jogador usa o teclado e o mouse para mover a Maria Gotinha pelo cenário e aplicar as vacinas. A dificuldade aumenta a cada fase, conforme o isolamento social vai caindo e os personagens circulam pelas ruas, espalhando o vírus com mais velocidade. É preciso imunizar as pessoas com duas doses, antes que sejam alcançadas pelos vírus e por elementos como as notícias falsas, que dificultam todo o processo. Se o coronavírus toca em uma pessoa não vacinada, ela desaparece e dá lugar a dois novos vírus.

O jogo apresenta diferentes variantes do vírus e algumas delas infectam até os vacinados. Mas, por outro lado, o jogador pode ter a ajuda da ciência, representada por um frasco de laboratório e por seringas com insumos de vacinas. Ao tocar nestes símbolos a Maria Gotinha ganha maior capacidade de vacinação. Para explicar o conceito de imunidade de rebanho, o jogo protege os personagens que estiverem perto de muitas pessoas imunizadas.

A cada fase o isolamento social reduz e com ele a dificuldade de conter o vírus. Imagem: Jogo Vacc.

Por enquanto o jogo está disponível para computadores, mas em breve haverá versões para celular. Os desenvolvedores também trabalham na ideia de uma versão multijogadores.

Equipe

A criação foi por meio de uma parceria entre a Universidade Federal do Paraná e a Universidade de São Paulo. A idealização do projeto é do professor Helder Nakaya, do Departamento de Farmácia da USP, que contou com o apoio do professor Rodrigo Arantes Reis, coordenador do Laboratório Móvel de Educação Científica da UFPR Litoral. A programação foi realizada por Claudio Torres Júnior, aluno de Informática Biomédica na UFPR. O desenho dos elementos foi obra do designer Allan de Carvalho e o professor Murilo Geraldo, da Unicamp, criou as músicas.

O professor Rodrigo explica que o jogo é uma forma divertida de explicar conceitos sobre a vacinação e que o projeto é principalmente de divulgação científica. “O objetivo nosso ao criar o jogo foi poder falar da importância da vacina, a importância também de manter o isolamento social mesmo com as vacinas, o perigo das fakenews, a importância do uso de máscaras, que existem variantes virais que surgem naturalmente em epidemias e que elas podem, inclusive, escapar da imunidade das vacinas”, resume o professor Helder.

O Vacc tem apoio da Campanha Todos pelas Vacinas, Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Vacinas do CNPQ, Sociedade Brasileira de Imunologia e do Núcleo de Pesquisas em Vacinas, da USP.

Digitalização das cadernetas

O Vaac também pede aos jogadores a doação de fotos de suas carteiras de vacinação. A iniciativa faz parte do projeto de pesquisa Levacc, do Ministério da Saúde, de digitalização das cadernetas dos brasileiros. “Isto vai ser importante para o governo saber quais populações e regiões são protegidas de doenças que são preveníveis por vacina”, finaliza o professor Helder.

 

Clique aqui para jogar.

Neste vídeo é possível entender o jogo em detalhes.

Clique aqui para saber mais sobre o Levacc.

Crédito das imagens: Jogo Vacc.


UFPR nas Redes Sociais

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Flickr RSS UFPR UFPR no Youtube UFPR no Instagram
Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299 | CEP 80.060-000 | Centro | Curitiba | PR | Brasil | Fone: +55(41) 3360-5000
UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Setor de Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299
CEP 80.060-000 - Centro
Reitoria da UFPR - Curitiba - PR - Brasil
Fone: +55(41) 3360-5000

Imagem logomarca da UFPR

©2021 - Universidade Federal do Paraná

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pela AGTIC - Agência de Tecnologia da Informação e Comunicação da UFPR