Universidade Federal do Paraná

Menu

Ensino e Educação

UFPR apresenta projeto inédito para avaliação de 170 pontes do Paraná e Santa Catarina

Celsina Favorito     11 de dezembro de 2014 - 10h13

Novo método para avaliação de pontes do PR e SC.Foto: Reprodução

Métodos inéditos de avaliação de pontes localizadas em rodoviais federais não concessionadas no Paraná e Santa Catarina são apresentados no projeto piloto desenvolvido pelo Setor de Tecnologia da UFPR. Através deles será possível fazer o ranqueamento de aproximadamente 170 pontes e, a partir daí, fornecer sugestões de reestruturação da vida útil desses elementos de ligação entre cidades, povos e culturas.

A informação é do professor Mauro Lacerda, que coordena o projeto desenvolvido em parceria com o Escritório Modelo de Engenharia Civil da UFPR e DNIT. Durante a apresentação que fez dos novos métodos, no seminário técnico realizado no Simepar/Centro Politécnico da Universidade, ressaltou que a proposta é eficaz para que um país como o Brasil, que possui mais de seis mil pontes, consiga gerenciar e fiscalizar periodicamente essas obras.

Multiplicadores

Prof. Mauro Lacerda apresenta projeto ao DNIT.Foto: ITTI

Entre as possibilidades ofertadas pelo projeto, explica o professor Lacerda, estão o planejamento das metas, estudo de orçamento e os procedimentos recomendados. Também estão programadas atividades de formação de multiplicadores, educando e treinando os estudantes para aplicar esta metodologia em pontes de área urbana”, destaca ele. Esta experiência propiciará a geração de cerca de 30 estágios para estudantes de engenharia civil da graduação e pós-graduação, além da possibilidade da temática ser adotada como trabalho de conclusão de cursos e publicações de periódicos.

O analista de infraestrutura de transportes do DNIT, Renato Gomes dos Santos, destacou como positiva a possibilidade de, com o uso dessa metodologia, que a avaliação seja feita por pessoas que não sejam do setor de infraestrutura de transportes, pois no projeto também está previsto o manual auxiliar que padroniza as questões a serem avaliadas”.

Rodovias Federais

O docente Lacerda acredita que o sucesso na aplicação da metodologia no Paraná e Santa Catarina poderá levar o DNIT a estender a avaliação a outras pontes de rodovias federais do Brasil. O seminário técnico denominado “Desenvolvimento e Aplicação de Metodologias de Avaliação Objetiva das Condições Funcionais e Estruturais das Obras de Artes Especiais” foi realizado na semana passada e reuniu além de docentes da UFPR e profissionais do DNIT, estudantes do Setor de Tecnologia.

Por Celsina Favorito, com informações do ITTI


Outras notícias

UFPR nas Redes Sociais

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Flickr RSS UFPR UFPR no Youtube UFPR no Instagram
Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299 | CEP 80.060-000 | Centro | Curitiba | PR | Brasil | Fone: +55(41) 3360-5000
UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Setor de Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299
CEP 80.060-000 - Centro
Reitoria da UFPR - Curitiba - PR - Brasil
Fone: +55(41) 3360-5000

Imagem logomarca da UFPR

©2019 - Universidade Federal do Paraná

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pelo Centro de Computação Eletrônica da UFPR