Universidade Federal do Paraná

Menu

Extensão e Cultura

Roteiro turístico oportuniza visão histórica de Antonina

Superintendência de Comunicação Social     18 de julho de 2018 - 11h43

Passeios fazem parte da programação do 28° Festival de Inverno da UFPR. Foto: Larissa Nicolosi

Lugares como as Praças Feira-Mar e Coronel Machado guardam a história do Centro Histórico de Antonina. Nesta 28ª edição do Festival de Inverno da Universidade Federal do Paraná, é possível conhecer mais sobre o passado da cidade litorânea, por meio  de um roteiro turístico, idealizado pelo Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). O passeio ganhou o nome de “Tramas e Histórias de Antonina”.

Cerca de 20 pessoas participaram do primeiro trajeto na terça-feira (17), com um resgate histórico começando pelo Trapiche. Os moradores contam, por exemplo, que a parte que liga a Baía era conhecida por ser uma área de trabalho e empilhamento de madeiras. Antes de existir apenas o único trapiche, outros oito compunham o cenário para carga e descarga.

A presença e diálogo entre os presentes são considerados essenciais para que o passeio funcione. Moisés Stival, organizador da atividade e membro do IPHAN, explica que esse é o diferencial do roteiro: “A ideia é que os próprios moradores contem as histórias. São eles mesmos que fizeram parte e são a história da cidade”.

O grupo caminhou até a Rua XV de Novembro e conferiu prédios históricos, muitos com a aparência antiga mantida. O Centro Histórico foi tombado em 2012 e conquistou oficinas variadas todos os anos em prol da valorização cultural e histórica da cidade.

A vivência dos moradores nos espaços é diversa. Em toda parada, havia uma coisa para ser comentada e recontada. Quem ajudou com sua experiência foi Iza Maria Azim, moradora longínqua da cidade que gostou da ideia do roteiro. “É uma oportunidade para as pessoas conhecerem mais a cidade. Cada ponto desse é um pedacinho de algo maior”, afirma.

O passeio tem uma hora e meia de duração e acaba na Igreja Matriz, grandiosa por proporcionar uma visão alta da Baía. O grupo ganhou as tradicionais balas de banana para fechar o primeiro roteiro de maneira bem antoninense. A professora Marciele Lemos acredita que a atividade foi um aprendizado. “Já tinha vindo outras vezes, mas não sabia da história. É muito legal poder conhecer mais sobre os pontos” finaliza.

A segunda edição do “Tramas e Histórias de Antonina” acontece nesta quinta-feira (19), com saída da Estação Ferroviária. Os interessados podem se inscrever aqui.

Larissa Nicolosi, com supervisão de Aline França


UFPR nas Redes Sociais

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Flickr RSS UFPR UFPR no Youtube UFPR no Instagram
Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299 | CEP 80.060-000 | Centro | Curitiba | PR | Brasil | Fone: +55(41) 3360-5000
UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Setor de Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299
CEP 80.060-000 - Centro
Reitoria da UFPR - Curitiba - PR - Brasil
Fone: +55(41) 3360-5000

Imagem logomarca da UFPR

©2020 - Universidade Federal do Paraná

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pela AGTIC - Agência de Tecnologia da Informação e Comunicação da UFPR