Universidade Federal do Paraná

Menu

Ciência e Tecnologia

Revista Cogitare Enfermagem é indexada à base internacional Scopus

Superintendência de Comunicação Social     26 de junho de 2018 - 16h32

A Revista Cogitare Enfermagem da Universidade Federal do Paraná foi aceita em uma das principais bases de indexação de revistas científicas do mundo, a Scopus. O processo de inclusão durou três anos e o resultado foi divulgado no dia 24 de junho.

Apenas sete revistas brasileiras da área de Enfermagem integram a base. “Participar da base Scopus é de extrema importância para qualquer revista do mundo. Isso dá alcance internacional a nossas publicações e à relação dos autores que publicam na Cogitare”, afirma a editora-chefe da Revista, professora Luciana Puchalski Kalinke.

A indexação na base representa um salto de qualidade para as revistas científicas. Os critérios de aceitação vão desde a qualidade dos artigos publicados até a avaliação de visibilidade, com citações inclusive em outras revistas internacionais.

A composição do corpo editorial da revista, com a presença de representantes das principais regiões científicas do mundo e a publicação de artigos de autores estrangeiros, também é apontada pela editora como um dos critérios da seleção. Além da Scopus, a revista também está em uma das principais bases das Américas, Redalyc.

Após a conquista, a Cogitare Enfermagem tem o desafio de se manter na base e buscar novas indexações. “Essa conquista vai aumentar a competitividade da seleção dos artigos publicados. Precisamos prezar cada vez mais pela qualidade. Além disso, com a base poderemos participar de editais do CNPq para conseguir recursos”, ressalta Luciana.

Editora-chefe da Revista Cogitare Enfermagem, Luciana Puchalski Kalinke, e o pró-reitor de Pesquisa e Pós-graduação da UFPR, Francisco de Assis Mendonça. Foto: Nicolle Schumacher

 

Revista Cogitare Enfermagem

Lançada em 1996, a Revista Cogitare nasceu semestral e com a publicação de cinco a dez artigos em cada volume. Há cerca de dez anos, passou a ser trimestral.

A publicação do Departamento de Enfermagem da UFPR é bilíngue e exclusivamente eletrônica desde 2015, acompanhando a tendências das revistas científicas.

“Nosso processo de gerenciamento da revista é completamente transparente. Temos cerca de 50 submissões por mês, totalizando 600 artigos por ano”, diz Luciana.

Aproximadamente 100 artigos são publicados anualmente: 80% deles, artigos originais de pesquisa; e em torno de 20% são revisões, relatos de experiência/caso da área da saúde, em especial a Enfermagem.