Universidade Federal do Paraná

Menu

Ciência e Tecnologia

Pesquisas da UFPR podem resultar em novas vacinas e kits diagnósticos para doenças

Superintendência de Comunicação Social     12 de agosto de 2019 - 15h26

A Universidade Federal do Paraná (UFPR) teve três projetos aprovados no edital de apoio à infraestrutura de pesquisa em áreas temáticas do Fundo de Infraestrutura (CT-Infra), da Financiadora de Inovação e Pesquisa (Finep), em dezembro do ano passado. Ao todo, o edital contempla cinco áreas: Biotecnologia, Ciências Biomédicas, Engenharias, Ciências Sociais e Nanotecnologia. Confira uma série de matérias sobre os projetos submetidos pela Universidade.

O projeto da área de Biotecnologia da UFPR receberá recursos destinados à manutenção da infraestrutura já existente e para a aquisição de três novos equipamentos para os laboratórios, que atendem a 17 programas de pós-graduação, além de estudantes e pesquisadores de outros países. A proposta é desenvolver uma plataforma integrada para obtenção em larga escala de sequências de DNA e moléculas bioativas a partir da aprovação em chamada pública do Fundo de Infraestrutura (CT-Infra) da Financiadora de Inovação e Pesquisa (Finep). As pesquisas podem resultar no desenvolvimento de novas vacinas e kits diagnósticos para diversas doenças.

Algumas das áreas atendidas pela aquisição dos novos equipamentos envolvem pesquisas relacionadas a doenças hereditárias raras, câncer, neurobiologia, células-tronco, entre outras. Os principais setores industriais impactados pelos estudos são a área agrícola e a indústria farmacêutica.

Algumas das áreas atendidas no projeto envolvem pesquisas relacionadas a doenças hereditárias raras, câncer, neurobiologia, células-tronco, entre outras. Foto: Samira Chami Neves, 2016/Sucom-UFPR

De acordo com o projeto desenvolvido por pesquisadores da UFPR, os novos equipamentos geram impacto na área econômica, pois permitirão pesquisas realizadas com insumos nacionais, garantindo a transferência de tecnologia para o setor privado, bem como a geração de novas patentes e a redução de gastos com a importação de matéria-prima. Dados de 2017 do Instituto Nacional de Propriedade Industrial (Inpi) mostram que a UFPR realiza, em média, 49 depósitos de patente por ano.

Os três novos equipamentos que devem ser adquiridos permitem um aumento na taxa de descobertas de novos genes e de suas funções em diferentes organismos, a transferência de genes de interesse em células para sua expressão e a separação de produtos gênicos em larga escala.

Os 17 programas de pós-graduação da UFPR participantes do projeto são Bioprocessos e Biotecnologia; Bioquímica; Biologia Celular e Molecular; Farmacologia; Genética; Microbiologia, Parasitologia e Patologia; Fisiologia; Ciências Farmacêuticas; Química; Engenharia Química; Botânica; Bioinformática; Zoologia; Ecologia e Conservação; Entomologia; Medicina Interna; e Veterinária.

Por Vinicius Fin Valginhak
Sob supervisão de Chirlei Kohls
Parceria Superintendência de Comunicação e Marketing (Sucom) e Agência Escola de Comunicação Pública e Divulgação Científica e Cultural da UFPR

Leia outras matérias da série:

UFPR tem cinco projetos aprovados em editais nacionais sobre pesquisas com participação de multiusuários e manutenção de equipamentos

Pesquisadores da UFPR propõem soluções para mobilidade urbana, direito e saúde com desenvolvimento de cidades inteligentes

Sustentabilidade: Instituto da UFPR produz combustíveis com reaproveitamento de resíduos agroindustriais


UFPR nas Redes Sociais

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Flickr RSS UFPR UFPR no Youtube UFPR no Instagram
Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299 | CEP 80.060-000 | Centro | Curitiba | PR | Brasil | Fone: +55(41) 3360-5000
UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Setor de Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299
CEP 80.060-000 - Centro
Reitoria da UFPR - Curitiba - PR - Brasil
Fone: +55(41) 3360-5000

Imagem logomarca da UFPR

©2021 - Universidade Federal do Paraná

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pela AGTIC - Agência de Tecnologia da Informação e Comunicação da UFPR