Universidade Federal do Paraná

Menu

Ciência e Tecnologia

Pesquisadores da Universidade de Oxford orientam, na UFPR, professores que ministram aulas em Inglês

Superintendência de Comunicação Social     19 de julho de 2016 - 17h57

aula do curso de Inglês para Instrução. Foto: acervo UFPR

aula do curso de Inglês para Instrução. Foto: acervo UFPR

Dois especialistas da Universidade de Oxford, na Inglaterra, ministram durante toda esta semana, na UFPR, o primeiro curso de Inglês como Meio de Instrução da Oxford University no Brasil, com a finalidade de orientar professores brasileiros que ministram aulas em Inglês na graduação e na pós-graduação. Na UFPR os cursos do Setor de Ciências Agrárias e também o de Engenharia Mecânica, tem no currículo, disciplinas em Inglês. O idioma é muito utilizado também nos cursos de mestrado e doutorado e, muitas vezes, os professores têm dúvidas sobre as técnicas e dinâmicas que devem adotar para que o conteúdo seja assimilado por todos os estudantes. E são as estratégias para desenvolver essas aulas que estão sendo analisadas durante esta semana, tendo como ponto central a interatividade.

aulas para professores que ministram aulas em Inglês. Foto: acerco UFPR

aulas para professores que ministram aulas em Inglês. Foto: acerco UFPR

Os pesquisadores Julie Dearden e Tom Spain, do Departamento de Educação da Universidade de Oxford vieram ao Brasil especialmente para ministrar diversas metodologias de ensino. “É a primeira vez que esse tipo de curso é realizado fora da Inglaterra”, explica o professor Ron Martinez, um americano que atua no Departamento de Letras Estrangeiras Modernas desde 2014 e coordena o grupo de pesquisa sobre Internacionalização de Pesquisa Científica Brasileira do CNPq. Dos 17 participantes do curso, a maior parte (12) pertence aos quadros da UFPR, mas há também professores de outras instituições de ensino. São docentes de diversas áreas como Física, Informática e Medicina. De acordo com Martinez, desde 2011 aumentou o número de disciplinas ministradas em dois idiomas e a tendência é ampliar essa prática nos próximos anos, especialmente em atividades de mestrado e doutorado. Um dos exemplos é uma disciplina optativa  na área de solos envolvendo os cursos de Medicina Veterinária, Agronomia e Engenharia Florestal, que terá aulas a partir de 25 de julho.  Os professores da disciplina participam do curso com os especialistas da Universidade de Oxford e contam que  irão adotar as técnicas desenvolvidas que incluem conversação e produção de textos em Inglês.

professores que ministram disciplinas em Inglês são treinados. Foto: acervo UFPR

professores que ministram disciplinas em Inglês são treinados. Foto: acervo UFPR

Uma iniciativa anterior de aulas bilingues ocorreu em 2014, quando um grupo de professores de cursos de pós-graduação da UFPR participou de um programa de inclusão da língua inglesa, na Universidade de Oxford, através de parceria com a British Council. São atividades integrantes do Programa UFPR Internacional, que tem na coordenação geral o vice-reitor Rogério Andrade Mulinari. Para implementar novas ações de apoio e incentivo à publicação de artigos científicos em veículos especializados, está sendo estruturado na UFPR o Centro Centro de Assessoria e Publicação Acadêmica (CAPA) que acaba de ser criado na Universidade Federal do Paraná junto ao Setor de Ciências Humanas. A proposta é oferecer auxílio tanto na redação científica, quanto na indicação e trâmites para publicações em revistas especializadas nacionais e também estrangeiras. Quando houver necessidade também será ofertado apoio na tradução de textos para outros idiomas. Imnormações podem ser obtidas no endereço eletrônico: www.capa.ufpr.br.

 

por: Maria de Lurdes W. Pereira