Universidade Federal do Paraná

Menu

Ciência e Tecnologia

Pesquisadores criam aplicativo para identificação de flebotomíneos, insetos transmissores das leishmanioses

Superintendência de Comunicação Social     27 de fevereiro de 2019 - 9h36

No mundo inteiro existem, atualmente, 1008 espécies de flebotomíneos, das quais 278 são registradas no Brasil. Essas classes de insetos atuam na transmissão dos protozoários causadores das leishmanioses – doenças infecciosas que podem ocasionar febre, perda de peso, anemia além de outras manifestações. Por isso, pesquisadores criaram um aplicativo de celular que permite a identificação dos flebotomíneos. O professor Andrey José de Andrade, do Departamento de Patologia Básica do Setor de Ciências Biológicas da UFPR, é um dos criadores da ferramenta.

Para identificar os insetos, os pesquisadores utilizam chaves dicotômicas, que inclui a análise de diversas características (como estrutura corporal e cor) até chegar ao nível de espécie. Com o LutzoDex essa identificação ocorre de forma mais rápida, pois o aplicativo faz a comparação das observações apontadas pelo usuário e do banco de dados disponível na ferramenta. O mecanismo é o mesmo do PokeDex, aplicativo que identifica as criaturas ficcionais chamadas Pokémons (daí o nome LutzoDex: “Lutzo” de Lutzomyia, um dos gêneros de flebotomíneos, e “Dex” do PokeDex).

Professor Andrey Andrade com o aplicativo LutzoDex. Foto: Aspec

“Facilita a identificação para uma pessoa que não é especialista na área. Deixamos claro que o aplicativo não substitui uma chave dicotômica publicada, mas pode auxiliar o usuário em trabalhos de laboratório ou de campo, aproximando-o da taxonomia”, explica o professor Andrade.

O LutzoDex permite identificar os insetos a partir de sua região geográfica e características como sexo ou estrutura de genitálias. Para cada espécie, são apresentados dados como autoria e ano de descrição, mapas de distribuição nas Américas e se faz parte de uma categoria transmissora de Leishmania. O idioma do sistema está de acordo com o idioma do smartphone e pode ser alterado pelo usuário.

Desde sua criação, O LutzoDex já teve 527 downloads, sendo 88% provenientes do Brasil e os outros 12% da Colômbia, Bolívia, México e Índia. Com download gratuito, o aplicativo está disponível na Google Play para o sistema operacional Android.

Também contribuíram no desenvolvimento do software o analista de sistemas Maxweel Almeida, o biólogo Douglas Rocha e a designer Janaine Abrantes. Confira como usar o LutzoDex no tutorial no Youtube:


UFPR nas Redes Sociais

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Flickr RSS UFPR UFPR no Youtube UFPR no Instagram
Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299 | CEP 80.060-000 | Centro | Curitiba | PR | Brasil | Fone: +55(41) 3360-5000
UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Setor de Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299
CEP 80.060-000 - Centro
Reitoria da UFPR - Curitiba - PR - Brasil
Fone: +55(41) 3360-5000

Imagem logomarca da UFPR

©2019 - Universidade Federal do Paraná

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pelo Centro de Computação Eletrônica da UFPR