Universidade Federal do Paraná

Menu

Ensino e Educação

Nova direção do Centro de Estudos do Mar toma posse

Superintendência de Comunicação Social     6 de junho de 2018 - 18h12

Os professores Talal Suleiman Mahmoud e Alexandre Bernardino Lopes assinaram o termo de posse de direção do Centro de Estudos do Mar (CEM) da UFPR, em Pontal do Sul, na terça-feira (8). O mandato vai até 2022.

A cerimônia ocorreu no auditório do CEM e contou com a presença do reitor Ricardo Marcelo da Fonseca e da vice-reitora Graciela Bolzón de Muniz. Também estavam presentes o diretor do Setor de Ciências da Terra, professor Pedro Luis Faggion, servidores técnico-administrativos, docentes, alunos e autoridades locais.

O professor Talal Suleiman Mahmoud é graduado em licenciatura em Química com habilitações em Física e Matemática pela Universidade Estadual de Maringá. O novo diretor também possui mestrado na área pela Universidade Federal do Mato Grosso do Sul, doutorado pela Universidade Estadual Paulista e pós-doutorado pela Universidade Federal de Pelotas. Hoje atual como docente no curso de Engenharia em Aquicultura. Já o professor Alexandre Bernardino Lopes é graduado em Engenharia de Agrimensura pela Universidade Federal de Viçosa, mestrado em Geofísica e doutorado em Oceanografia, ambos pela USP. Lopes atua como professor no curso de Engenharia Civil no CEM.

O prédio atual do Centro de Estudos do Mar foi inaugurado em 1982, quando os laboratórios, que antes ficavam em Curitiba, passaram para Pontal do Sul. Em 1999, o lugar passou a fazer parte do Setor de Ciências da Terra. A sede abriga um prédio central de 2 mil metros quadrados de área construída, com gabinetes, laboratórios, bibliotecas e salas de aula.

Posse da nova direção no Centro de Estudos do Mar.
Foto: Nicolle Schumacher

 

Futuros da nova gestão

Novo diretor do CEM, Talal Suleiman Mahmoud. Foto: Nicolle Schumacher

Em discurso inicial, o professor Mauricio Almeida Noernberg, diretor do Centro entre os anos de 2014 e 2018, reforçou o exponencial crescimento do CEM sofreu nos últimos anos. Ele comentou a expansão de dois para cinco cursos de graduação. Houve também um aumento no quadro da comunidade: de 26 docentes para 56, de 24 servidores para 31 e o aumento aproximado de 300 para mais de 700 alunos. O ex-diretor aproveitou para citar o filósofo chinês Confúcio. “Não importa o quão devagar você vá, desde que não pare”, ressaltando as dificuldades com infraestrutura que o local passou nestes tempos de crise econômica.

O professor Talal destacou que o CEM foi o primeiro braço da universidade fora de Curitiba e reafirmou a ampliação do lugar. “Temos por natureza vencer obstáculos”. O professor exaltou a produção científica do campus Pontal do Paraná, com mais de 160 mil artigos científicos, 35 capítulos de livros, 125 projetos aprovados em atividade de pesquisa de cooperação nacional e internacional, 45 projetos de extensão impactando a população local e regional. “Eu sou otimista por natureza”, comentou o diretor. “Em minha gestão espero que possamos crescer mais, buscando sempre a excelência em nossa trabalho”.

“Pontal do Paraná e o CEM foram os lugares que eu escolhi para trabalhar e viver”, disse o novo vice-diretor, professor Alexandre. O docente agradeceu a coragem do professor Talal em assumir o desafio frente à direção do Centro de Estudos do Mar. Apesar das preocupações, afirmou o compromisso de trabalhar junto com a comunidade para construir um lugar cada vez melhor. “Vejo que pela receptividade e a boa vontade que o professor Mauricio [ex-diretor] teve conosco, vamos conseguir consolidar os cursos de graduação que são de extrema importância”, discursou. O professor também ressaltou que fará uma gestão aberta, capaz de ouvir alunos e docentes para satisfazer toda a comunidade.

 

Compromisso com a Reitoria

 

O reitor Ricardo Marcelo da Fonseca encerrou a cerimônia cumprimentando os novos diretores e elogiando o ex-diretor pela gestão nos últimos quatro anos e realçou a importância do cargo que os dois professores vão ocupar pelos próximos anos. “É exatamente nos momentos de tempestade, que a gente mais precisa de bons marinheiros”, fazendo uma referência clara ao momento atual das dificuldades financeiras que as universidades públicas enfrentam nos últimos anos e reafirmou que o trabalho em conjunto é a solução para uma melhor administração. Ricardo Marcelo também afirmou a importância do CEM para a universidade e que as pautas do campus são prioridades na reitoria. “O Centro de Estudos do Mar é um dos lugares dessa universidade que demandam mais atenção e investimento, ainda que estejamos em momento de gravíssima crise”.

No primeiro ano da gestão Ricardo Marcelo, a reitoria liberou mais de 700 mil reais para investimentos no CEM. Em 2018, foram liberados 200 mil reais para novos livros, com foco nos cursos que em expansão, e 55 mil reais para verbas de laboratório. Além disso, o reitor também falou sobre a expansão do Centro de Estudos do Mar. “Contem com essa gestão da universidade. O Centro de Estudos do Mar, dado ao seu momento atual e às carências, é prioridade nossa”, finalizou.

 

Por: Pedro Macedo


Outras notícias

UFPR nas Redes Sociais

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Flickr RSS UFPR UFPR no Youtube UFPR no Instagram
Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299 | CEP 80.060-000 | Centro | Curitiba | PR | Brasil | Fone: +55(41) 3360-5000
UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Setor de Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299
CEP 80.060-000 - Centro
Reitoria da UFPR - Curitiba - PR - Brasil
Fone: +55(41) 3360-5000

Imagem logomarca da UFPR

©2019 - Universidade Federal do Paraná

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pelo Centro de Computação Eletrônica da UFPR