Universidade Federal do Paraná

Menu

Ciência e Tecnologia

Instituto Tecnológico de Transportes e Infraestrutura (ITTI) da UFPR dá início a Gestão Ambiental do Lote 4 da BR-135 BA/MG

Superintendência de Comunicação Social     20 de setembro de 2017 - 12h05

Equipes do Instituto Tecnológico de Transportes e Infraestrutura (ITTI) da Universidade Federal do Paraná (UFPR)  estão executando e supervisionado diversos programas ambientais no Lote 4 da BR-135 BA/MG, entre o município de Côcos e o acesso para o munícipio de Jaborandi, no oeste baiano.

A UFPR é responsável pela Gestão Ambiental das obras de ampliação e melhoramento nos 67 quilômetros desse subtrecho rodoviário, trabalho que é executado em cooperação com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). Atualmente a frente de obra está concentrada entre o distrito de Vila Nova, em Coribe, e o núcleo urbano do município.

Foto: UFPR / ITTI

Ações

Desde o início do mês de agosto, a gestora ambiental está acompanhando de perto as atividades do consórcio CBV/EBRAE/Geosistemas, responsável pelas obras, monitorando o trabalho de supressão vegetal e de limpeza de terreno realizado na faixa de domínio da rodovia por meio da Supervisão Ambiental do empreendimento. O engenheiro ambiental da UFPR/ITTI, Jhonatan Zonta, explica que o trabalho feito pela universidade é o de orientação dos trabalhadores, como local de depósito do material lenhoso e os tipos de corte que devem ser feitos nas árvores.

Outra ação realizada pelos supervisores ambientais – em paralelo à remoção da cobertura vegetal pela empreiteira – foi o salvamento de germoplasma, que tem como objetivo identificar, resgatar mudas e coletar sementes de espécies ameaçadas de extinção da região e faz parte do Programa de Proteção à Flora da Gestão Ambiental. “Esse material futuramente será utilizado em áreas de plantio compensatório como forma de preservar a flora local. É uma maneira de minimizar os impactos da obra sobre a biodiversidade regional”, explica o engenheiro florestal da UFPR/ITTI, Leonardo Treml.

A equipe de Gestão Ambiental também executou o Programa Proteção à Fauna por meio do Subprograma de Afugentamento e Salvamento de Fauna Silvestre. Durante remoção da vegetação, os supervisores ambientais são responsáveis pela identificação e retirada de ninhos, tocas e animais silvestres presentes nas áreas a sofrerem supressão vegetal. “O local só é liberado para o trabalho se não houver nenhum impedimento relacionado aos animais”, alerta Zonta.

Foto: UFPR / ITTI

Comunidade

Para informar a população sobre o empreendimento, as equipes dos programas de Educação Ambiental e Comunicação Social realizaram duas reuniões comunitárias, uma no Distrito de Ranchinho e outra no Distrito de Vila Nova, ambas em Coribe.

O objetivo foiinformar a comunidade sobre o início das obras e também apresentar os programas ambientais executados em virtude do empreendimento. Os dois encontros reuniram 73 pessoas, que puderam esclarecer dúvidas e falar sobre as demandas locais relacionadas a questões ambientais.

Trabalhadores

O Programa de Educação Ambiental (PEA) também deu início às atividades com os trabalhadores do consórcio CBV/EBRAE/Geosistemas, que serão realizadas uma vez ao mês. No primeiro encontro, os 81 participantes foram divididos em dois grupos para facilitar a atividade e responderam a um questionário sobre o que eles entendem por meio ambiente – as perguntas deverão ser respondidas novamente quando as obras chegarem ao fim. “O objetivo do nosso trabalho é trazer informações e desenvolver o senso crítico dos trabalhadores. Queremos mostrar que a atitude deles pode mudar a realidade em que eles vivem para a melhor”, ressalta a bióloga Marina de Souza.

Gestão Ambiental

Para diminuir os possíveis impactos ambientais causados pelo empreendimento, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e a Universidade Federal do Paraná, por meio do Instituto Tecnológico de Infraestrutura de Transportes (UFPR/ITTI), firmaram em 2013 um Termo de Cooperação para a regularização ambiental da BR-135 BA/MG, entre Barreiras/BA e Itacarambi/MG.

Durante as obras, a UFPR/ITTI fará a Gestão Ambiental do empreendimento entre Barreiras/BA e Manga/MG, realizando e supervisionando ações que reduzam danos que eventualmente poderão ser causados à natureza e às pessoas.

 

Assessoria de Comunicação Social

ITTI – Instituto Tecnológico de Transportes e Infraestrutura

(41) 3226-6658 | comunicacao@itti.org.br


UFPR nas Redes Sociais

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Flickr RSS UFPR UFPR no Youtube UFPR no Instagram
Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299 | CEP 80.060-000 | Centro | Curitiba | PR | Brasil | Fone: +55(41) 3360-5000
UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Setor de Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299
CEP 80.060-000 - Centro
Reitoria da UFPR - Curitiba - PR - Brasil
Fone: +55(41) 3360-5000

Imagem logomarca da UFPR

©2020 - Universidade Federal do Paraná

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pela AGTIC - Agência de Tecnologia da Informação e Comunicação da UFPR