Universidade Federal do Paraná

Menu

Extensão e Cultura

Experimentação e participação de estudantes marcam novo caderno de ensaios culturais da UFPR

Jaqueline Carrara     17 de agosto de 2015 - 17h43

TOM capaTOM Caderno de Ensaios é o mais novo projeto da Coordenadoria de Cultura da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da UFPR (Proec). Dedicado aos temas da cultura e da arte, tem por perspectiva a crítica e a reflexão por meio de ensaios, sejam verbais (textuais), visuais (imagéticos) ou híbridos (texto-imagético). E o nome TOM não é por acaso. Uma pesquisa mostrou que jornais geralmente têm nomes masculinos, enquanto revistas têm nomes femininos. Assim, TOM quebra paradigmas e atesta que é uma revista experimental, que faz referência ao tom da música, ao tom da cor, ao tom da fala e ao nome masculino “Tom”.

O caráter de experimentação acompanha todo o ideal do projeto. Para se manter dentro dessa característica, uma das iniciativas da organização foi convidar estudantes para dar forma à revista e participar também na elaboração do conteúdo. Assim, os bolsistas de Design Gráfico, Victor dos Reis Damaceno Uchoa, Ana Carolina Lino Buissa e Mariana Midori Ando, trabalharam em conjunto por quase um ano para estruturar o projeto gráfico.

O conceito inicial parte do movimento beatnik, o que inclui as cores e as lavagens nas fotos. “O erro faz parte da foto, a interferência. O texto vai por cima da foto, mas não é um box clássico, cada linha tem um preenchimento único. As colunas têm diversos padrões, tamanhos, alturas”, afirma Victor, responsável pela formatação do caderno. A tipografia foi pensada por Mariana e pretende seguir o mesmo padrão nas próximas edições do TOM. Ana foi responsável também pelas imagens, utilizando fotos próprias do 24º Festival de Inverno da UFPR em Antonina, feitas por câmeras digitais e analógicas. “Mas não é literal. A gente acrescentou texturas, tem aquela coisa mais degradada”, explica Ana. A estudante também destaca que “a revista se constrói não só com textos e imagens, é algo único, a gente tentou construir com as imagens e os textos juntos, uma obra. Mais que uma revista, uma obra”.

TOM mioloO caderno de ensaios tem um caráter híbrido e foi construído por toda a equipe da Proec, nunca constante interação ensino-aprendizagem. Os três estudantes de Design que produziram o projeto gráfico foram orientados pelo professor Ronaldo Correa, e aprenderam a se comunicar e integrar ideias para fazer algo além da sala de aula. “É bem diferente do que a gente faz na faculdade. É uma oportunidade. A revista é contemporânea, bem visual”, conta Mariana.

Ana Carolina Maoski e Giulia El Halabi, estudantes do curso da UFPR em Comunicação Social – Jornalismo, também participaram do processo: Giulia ficou responsável pelos textos da seção Notas Dissonantes e Ana Carolina conduziu a entrevista com a artista plástica curitibana Uiara Bartira. “O texto que eu escrevi foi feito durante o Festival de Inverno, o que também é ótimo, porque geralmente a gente vai como espectador, e daquela vez eu fui como parte da equipe”, comenta Ana. “O texto foi adaptado em um artigo para a TOM, e foi muito interessante participar de um projeto que está começando agora, é ótimo escrever e ser lido. E é um projeto lindo, eu olho e penso: ‘que coisa maravilhosa!’. Eu espero que amplie e continue crescendo”, complementa.

Você pode conferir a primeira edição do TOM Caderno de Ensaios no link http://issuu.com/tom_ufpr/docs/tom1

Com reportagem da Proec

Leia também

Pró-Reitoria de Extensão e Cultura lança primeira edição do caderno de ensaios TOM