Universidade Federal do Paraná

Menu

+ UFPR

Departamento de Educação Física ganha novas instalações no Centro Politécnico

Superintendência de Comunicação Social     8 de outubro de 2019 - 13h00

A Universidade Federal do Paraná (UFPR) inaugurou nesta terça-feira (8) o novo edifício do Departamento de Educação Física (DEF), no Centro Politécnico. A construção, que teve início em 2009, ficou sete anos parada e foi retomada em 2016, com parte da alvenaria, e então, no final de 2017 teve início a etapa de acabamentos e finalização.

As novas instalações receberão laboratórios mais amplos e modernos, além das salas de aulas, secretarias e gabinetes dos professores.  A previsão é de que até o início de 2020 todas as atividades didáticas aconteçam no novo prédio. As ações que envolvem ginásio, quadras, áreas de luta e tablados de ginástica devem continuar no edifício do Campus Botânico, que terá parte do espaço até então ocupada pela Educação Física direcionada para o Departamento de Fisioterapia.

O prédio está próximo ao Centro de Educação Física e Desportos (CED), integrando assim as duas unidades. Foto: Marcos Solivan

Para o chefe do DEF, João Sonoda Nunes, os ganhos com o novo edifício serão imensos. “A estrutura oferece um potencial muito maior para desenvolver as ações que já realizamos e qualificar os processos pedagógicos e de ensino, pesquisa e extensão. Além disso, é um retorno do trabalho desenvolvido em 40 anos de departamento”.

O pró-reitor de Planejamento, Orçamento e Finanças e também professor do DEF, Fernando Marinho Mezzadri, destaca que a inauguração das instalações cumpre dois grandes objetivos: o término de obras inacabadas e o atendimento de uma antiga demanda do curso. Ele explica que o recurso empregado no prédio, que ao todo custou R$ 12,2 milhões, tem sido economizado desde 2017. “Investimos mais de R$ 9 milhões nos últimos dois anos. Este ano tivemos poucos recursos e menos ainda para obras. Entretanto, estamos levando com muito rigor o término de um conjunto de obras que estavam paralisadas, a partir de um planejamento aprovado pelo Conselho de Planejamento e Administração (Coplad) em 2017”.

O reitor da UFPR, Ricardo Marcelo Fonseca, enfatiza que inaugurar um prédio de primeiro mundo e que dá melhores condições para a comunidade da Educação Física em um momento que os recursos praticamente inexistem é uma vitória da universidade. “A universidade resiste, subsiste e sobrevive. Estamos, talvez agora, dando o passo mais difícil nesse contexto dos últimos anos que é o passo da expansão, apesar de todos os indicativos estarem contrários.

Segundo ele, o fato é um sopro de otimismo nesses tempos pessimistas. “Que isso resulte em uma melhor formação na graduação e na pós-graduação e em mais produção científica nesse curso e programa que já são orgulho da UFPR”. A inauguração do espaço contou com a primeira atividade acadêmica oficial – a aplicação de uma prova – e com a apresentação da bateria do curso de Educação Física.