Universidade Federal do Paraná

Menu

Extensão e Cultura

Canal da Aquicultura CEM apresenta série sobre cultivo de moluscos no Brasil

Lais Murakami     20 de outubro de 2020 - 10h53

Com um projeto ambicioso de cobrir toda a costa brasileira, o curso de Engenharia de Aquicultura do Centro de Estudos do Mar (CEM) está apresentando uma série sobre a história do cultivo de moluscos no Brasil. No formato de bate-papos, os vídeos estão disponíveis no canal Aquicultura CEM,no Youtube.

A coordenação da série é dos professores Carlos Eduardo Belz e Francisco José Lagreze Squella, do curso de Engenharia de Aquicultura do CEM, que começaram as lives pela história em Santa Catarina e devem chegar até o Pará. O cultivo comercial e organizado de moluscos no Brasil é uma atividade recente, com uma história rica e cheia de curiosidades. Como explica o professor Belz, “esta série de entrevistas tem como objetivo detalhar e discutir esta história com os personagens que fizeram parte dela”.

O canal foi criado em maio deste ano e já está com mais de 3.500 visualizações. Os episódios sobre a história do cultivo de moluscos são apresentados ao vivo, às quintas-feiras, às 17h e ficam gravados no canal. Além da série, também são apresentados temas importantes na divulgação da aquicultura e os trabalhos do grupo de malacologia – ramo da biologia que estuda os moluscos. Profissionais de diversas áreas são entrevistados, desde pesquisadores, produtores e representantes do governo. “O ponto mais forte do projeto é poder mostrar como são esses produtores, suas tecnologias e saberes” conta o professor Squella.

Com o decorrer dos programas, semelhanças e diferenças entre os estados foram percebidas. Belz conta que, apesar do litoral brasileiro apresentar ambientes, espécies e culturas diferentes, os problemas são os mesmos e as ações que deram certo são parecidas. As lives também revelaram a dedicação de quem está na área do cultivo de moluscos. “Chamou a atenção a quantidade de pessoas que apostam e amam a atividade, como o Hélcio Marques, do Instituto de Pesca de São Paulo (episódio 4), que trabalha com aquicultura há 40 anos e não quer se aposentar”, relata Belz. “É possível ver o grau de perseverança para conquistar um sonho e para fazer realidade o sonho dos outros também”, afirma Squella.

A série deve ter mais quatro episódios, mas o projeto deve crescer, quando a pandemia acabar. A ideia é expandir o trabalho e fazer viagens aos locais de cultivo, entrevistando pesquisadores e produtores. E, se o canal nasceu de uma necessidade durante o isolamento imposto pelo covid-19, a ideia é que continue atuante mesmo quando as atividades presenciais voltarem. “Estamos tirando uma lição importante como professores, de aproximarmos mais os alunos da realidade do mercado e das histórias das pessoas que fizeram a aquicultura no Brasil. Vamos ampliar nossos temas, envolver os professores das outras áreas do curso e também envolver os alunos na produção de conteúdo. Queremos transformar esta iniciativa em um projeto de extensão”, declara o professor Belz.

“Nosso foco principal ao criar a série de história do cultivo de moluscos no Brasil foi a de mostrar para esses futuros profissionais que os objetivos nem sempre são fáceis de alcançar e que na maioria das vezes é necessária muita determinação e foco, e que sem paixão a vitória não tem sabor. O cultivo de moluscos é uma das atividades mais sustentáveis de produção de proteína animal, é um organismo que não precisa de alimentação externa, cria refúgios para muitas espécies de vertebrados e invertebrados, ajuda na qualidade da água, alguns têm conchas maravilhosas… Como não ser apaixonado por essa atividade?”, conclui o professor Squella.

 

Foto em destaque: Kristian Rasmussen, FreeImages


UFPR nas Redes Sociais

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Flickr RSS UFPR UFPR no Youtube UFPR no Instagram
Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299 | CEP 80.060-000 | Centro | Curitiba | PR | Brasil | Fone: +55(41) 3360-5000
UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Setor de Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299
CEP 80.060-000 - Centro
Reitoria da UFPR - Curitiba - PR - Brasil
Fone: +55(41) 3360-5000

Imagem logomarca da UFPR

©2020 - Universidade Federal do Paraná

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pela AGTIC - Agência de Tecnologia da Informação e Comunicação da UFPR