Universidade Federal do Paraná

Menu

Ensino e Educação

“Alguma coisa muda na sua cabeça quando você para de pensar no lucro”, afirma Muhammad Yunus em evento da UFPR

Jéssica Maes     3 de maio de 2015 - 23h00

Yunus agora é doutor honoris causa da UFPR. Foto: Ana Assunção

Yunus agora é doutor honoris causa da UFPR. Foto: Ana Assunção

Foi um Teatro Guaíra lotado que recebeu, neste domingo, dia 3 de maio, o professor e economista Muhammad Yunus. A visita do Nobel da Paz de 2006 fez parte da programação do Congresso Internacional de Negócios Sociais e Empreendedorismo, promovido pelo Núcleo Interdisciplinar de Estudos sobre o Terceiro Setor (Nits) da Universidade Federal do Paraná. O Congresso continua nesta segunda-feira, dia 4, com palestras e mesas de discussão a serem realizadas no Auditório Prof. Dr. Ulysses de Campos, do Setor de Ciências Sociais Aplicadas da UFPR.

No evento, também foi lançado o livro digital “Empreendedorismo com foco em Negócios Sociais”, um dos produtos do projeto homônimo nascido de uma parceria entre a Universidade Federal do Paraná e o Sebrae.

A palestra com Yunus foi precedida de uma sessão solene e pública do Conselho Universitário, no qual a UFPR concedeu a ele o título de doutor honoris causa da instituição. O professor Luiz Vamberto de Santana, do Departamento de Economia, fez a apresentação do homenageado, relembrando sua trajetória acadêmica em Bangladesh e nos Estados Unidos, a criação do Grameen Bank e algumas das ações desenvolvidas pela companhia ao longo de sua existência.

“Essa solenidade marca o compromisso da UFPR com a educação transformadora e emancipatória”, afirma o reitor Zaki Akel Sobrinho, acrescentando que cabe à Universidade transmitir uma mensagem de paz, acolhimento, liberdade. “Estamos vivendo no Paraná e no Brasil momentos de tensão, de manifestações, de violência, então recebê-lo agora simboliza, para todo o povo do nosso Estado, que temos que trabalhar estes valores, do respeito aos direitos humanos, do acolhimento ao desigual, do debate sadio de ideias diferentes”.

Para Akel Sobrinho, o laureado trouxe lições de simplicidade, mas também do “grande potencial transformador da sociedade”. “O mais legal é que não são apenas conceitos, são programas que ajudam milhões de pessoas no mundo inteiro a sair da miséria”, diz, destacando a intenção de acrescentar estas questões aos conteúdos programáticos dos diversos cursos da instituição, além de intensificar movimentos que já existem de incentivo ao empreendedorismo no meio universitário.

Ao receber o diploma de doutor honoris causa das mãos do reitor, Yunus agradeceu o destaque dado à cerimônia e a presença de todos. “Eu continuarei sendo uma parte da família da UFPR”, declarou.

Cases de sucesso

Durante sua palestra, Yunus apresentou diversos projetos de negócios sociais bem sucedidos nascidos no próprio Grameen Bank, que fornece microcrédito a pessoas pobres para que possam se tornar empreendedoras deste tipo de negócio. Dentre eles, o Grameenphone, hoje a maior rede de telefonia celular de Bangladesh, com mais de 50 milhões de usuários – a população do país é de 156,6 milhões de habitantes. Falou, ainda, sobre parcerias com marcas globais como Danone, L’Oréal e McCain, que executaram, respectivamente, ações para reduzir os níveis de desnutrição infantil em Bangladesh; para acabar com os intermediários entre as mulheres coletoras da matéria-prima de seus cremes, aumentando o valor recebido por elas; e para ajudar os produtores colombianos prejudicados pela crise do café, incentivando-os e fornecendo o conhecimento técnico para que adotassem a cultura de batatas.

A palestra com Yunus lotou o teatro Guaíra. Imagem:  Ana Assunção

A palestra com Yunus lotou o teatro Guaíra. Imagem: Ana Assunção

“Nós nos acostumamos a pensar que as pessoas querem dinheiro e lucro. Porém, basta fazer a elas a pergunta certa”, explica o economista bengali, que garante que há muito mais pessoas com vontade de ajudar os outros do que achamos. “Alguma coisa muda na sua cabeça quando você muda sua visão e para de pensar no lucro para começar a pensar nos benefícios sociais”.

Yunus afirmou, ainda, que ter nascido em um país tão complicado quanto Bangladesh foi fundamental para ter escolhido seu caminho na vida. “Se eu tivesse nascido em um país sem problemas, eu ficaria extremamente entediado. O ser humano é a mais criativa das espécies. Se nós tomarmos a iniciativa, nenhum destes problemas consegue existir”.

Representantes do Sebrae e outras instituições do setor, autoridades e membros do corpo acadêmico da UFPR também prestigiaram o evento. A equipe organizadora foi chefiada pela professora Ana Lúcia Jansen de Mello de Santana, do Departamento de Economia da Universidade.

O papel da universidade

Durante a série de visitas que o bengali fez nesta passagem pelo Brasil, participou de uma reunião da Rede Yunus de Universidades, que visa apoiar o ensino e capacitação de empreendedores sociais no ambiente acadêmico brasileiro, unindo as instituições e incubadoras de negócios sociais.

“Universidades são organizações respeitadas, as pessoas confiam nelas porque elas não querem ganhar dinheiro em benefício próprio”, explica. “Então, quando as universidades têm algum tipo de programa de aceleração, as pessoas passam a apoiar estes programas. Além disso, dá aos jovens universitários uma oportunidade de ter novas ideias”.

Para Yunus, a competição presente no ambiente acadêmico é extremamente benéfica para o empreendedorismo social. “Jovens gostam de competir; dá a eles um senso de concretização, de realização. Então, esses programas de aceleração dão a eles esta possibilidade. Essas ações tocam não somente as pessoas que estão participando, mas também seus pais, seus amigos, e fomenta discussões nos ambientes universitários. É aí que alguém pode pensar, ‘Ah, mas essa ideia é ruim. Eu tenho uma ideia melhor do que esta!’. Essa competição cria belas ideias, por isso as universidade são o lugar certo para que aconteça esse tipo de debate”.

Para mais informações sobre a programação do Congresso para este dia 4, acesse a página do evento no Facebook.


UFPR nas Redes Sociais

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Flickr RSS UFPR UFPR no Youtube UFPR no Instagram
Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299 | CEP 80.060-000 | Centro | Curitiba | PR | Brasil | Fone: +55(41) 3360-5000
UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Setor de Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299
CEP 80.060-000 - Centro
Reitoria da UFPR - Curitiba - PR - Brasil
Fone: +55(41) 3360-5000

Imagem logomarca da UFPR

©2019 - Universidade Federal do Paraná

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pelo Centro de Computação Eletrônica da UFPR