Últimas Notícias

Histórico






26 de setembro de 2013

As vagas de Fisioterapia, em Curitiba, e dos outros dez novos cursos serão 100% preenchidas via Sisu

Por Celsina Favorito
Imprimir esta notícia

Fachada do Setor de Ciências Biológicas. Foto: arquivo

Entre os onze novos cursos ofertados pela UFPR em 2013, Fisioterapia é o único que será sediado em Curitiba. Os alunos, selecionados para preencher as 50 vagas abertas, terão aulas no Setor de Ciências Biológicas, campus Politécnico, durante os quatro anos de formação e serão ministradas em período integral (aulas manhã e tarde).

A seleção dos candidatos de Fisioterapia e dos outros dez novos cursos, no entanto, será feita de forma diferenciada das demais graduações da UFPR, ou seja, não será através do vestibular. Para concorrer a uma das 450 vagas disponíveis nesses 11 cursos, os candidatos terão que participar do Enem e, na sequência, se inscrever no Sistema de Seleção Unificada do MEC (Sisu), que selecionará 100% dos candidatos que ocuparão as vagas dos 11 novos cursos da UFPR. As inscrições para o Enem 2013 já se encerraram, mas quem participou do Exame em 2012 e tirou nota diferente de zero pode se inscrever. Mais informações podem ser obtidas em www.sisu.mec.gov.br/sisu.

Curso novo

O curso de Fisioterapia que a UFPR oferta pela primeira vez em Curitiba é totalmente novo e será a única formação disponibilizada na área, nos diversos campi da Instituição. Isto porque, o curso de Fisioterapia, ministrado há oito anos no Setor Litoral, não será mais ofertado e daqui a dois anos encerrará suas atividades após a formatura da última turma.

O quadro de docentes deste curso novo será formado por parte dos professores que atuavam em Matinhos, por novos que serão nomeados e pelos que já lecionam no Setor de Ciências Biológicas, em disciplinas como anatomia, fisiologia, bioquímica, biologia celular, farmacologia, genética, entre outras.

Segundo a professora Raciele Korelo, coordenadora pro tempore deste novo curso de Fisioterapia, esta é a única formação que oferece vagas públicas em Curitiba e região metropolitana. Destaca ainda que as outras duas instituições estaduais de ensino que ministram este curso ficam a 250 quilômetros da capital paranaense. Por isso, a procura pelo curso é grande e é imprescindível que os candidatos acompanhem no site do Sisu (http://sisu.mec.gov.br/#/principal.php), os prazos para inscrição e, consequentemente, a conquista de uma das 50 vagas ofertadas.

Atividades práticas

Raciele Korelo explica que os alunos selecionados através do Sisu terão, além das aulas teóricas, oportunidade de realizar atividades práticas no Hospital Escola (HC). Também poderão estagiar em instituições parceiras da UFPR, como são exemplos o Hospital do Trabalhador; Centro Hospitalar de Reabilitação Ana Carolina Moura Xavier; Pequeno Cotolengo; e unidades de saúde da Prefeitura de Curitiba.

A vice-coordenadora pro tempore do curso, Sibele Takeda, destaca que a realização de estágios em instituições de referência como essas que a UFPR tem parceria é fundamental para a formação do aluno. Após as quatro mil horas do curso (teóricas e práticas), “com certeza os formandos estarão qualificados para ser absorvidos pelo mercado de trabalho, em ações de prevenção, promoção e reabilitação da saúde”.

Segundo a professora Arlete Ana Motter, que também lecionava no Setor Litoral e que agora agirá em Curitiba, os profissionais poderão atuar em empresas (saúde do trabalhador); escolas especiais; clínicas de fisioterapia; unidades de saúde etc. O mercado de trabalho é bem amplo, explicam elas, sobretudo neste momento em que se registra um aumento da população idosa e das alterações orgânicas e psíquicas provocadas pelas atividades desenvolvidas na vida moderna.

Novos cursos

Além de Fisioterapia, os outros dez cursos ofertados pela UFPR, com início no ano letivo de 2014, são no campus Palotina: Licenciaturas em Computação (50 vagas); em Ciências Biológicas (50 vagas) e em Ciências Exatas (100 vagas). O curso de Tecnologia em Aquicultura, também ofertado em Palotina, passa a ser agora Engenharia de Aquicultura (60 vagas).

Quem também ganhou novo curso foi o Centro de Estudos do Mar, em Pontal do Paraná. Cinquenta vagas foram abertas para a licenciatura em Ciências Exatas. O mais novo campus da UFPR, em Jandaia do Sul/Norte Central do Paraná, vai iniciar as atividades ofertando 150 vagas distribuídas igualmente entre as Engenharias de Produção; de Alimentos e Agrícola. Duas licenciaturas em Computação e em Ciências Exatas, com 50 vagas cada, também serão ofertadas no campus Jandaia do Sul.

Celsina Favorito