Universidade Federal do Paraná

Menu

Ciência e Tecnologia

UFPR obtém patente de invenção nos Estados Unidos

Simone Meirelles     4 de agosto de 2017 - 16h11

 

Imagens do diagnóstico (crédito arquivo pessoal)

A Universidade Federal do Paraná acaba de obter a patente de uma invenção nos Estados Unidos. Trata-se de um material que permite detectar a presença de agentes infecciosos. A invenção é resultado de uma colaboração entre a UFPR, a Universidade Federal do Rio Grande do Sul, a Fundação Oswaldo Cruz, o Instituto de Biologia Molecular do Paraná e Instituto Carlos Chagas. As pesquisas começaram em 2007 e tiveram o apoio do CNPq.

O objetivo da pesquisa foi o desenvolvimento de novas tecnologias para diagnóstico de doenças causadas por microorganismos que fossem relevantes para a saúde pública. O material desenvolvido, que pode ter a forma de microesferas (beads) ou filamentos, é composto por material polimérico inerte que após modificação de sua superfície permite detectar a presença de diferentes agentes infecciosos.

De acordo com o professor Cyro Ketzer Saul, do Laboratório de Inovação em Tecnologia de Sensores da UFPR e um dos inventores dessa tecnologia, as estruturas produzidas pelo processo desenvolvido no Brasil apresentam grandes vantagens em relação aos produtos existentes no mercado atualmente. O material facilita os diagnósticos e a obtenção de resultados mais rápidos nos exames, além do baixo custo da matéria prima e elevada produtividade da técnica. “O material, em si, já existia, mas conseguimos fazer de uma forma mais simples e eficiente”, explica ele.

A patente do procedimento, intitulado “Process for Producing Polymeric Structures That Have Activated Surfaces and Activated Polymeric Structures” foi depositada inicialmente no Brasil e depois em outros seis países (Estados Unidos, Canadá, Coréia, União Europeia, Hong Kong e China). Apenas a dos Estados Unidos já foi aceita até agora. Ainda assim, as perspectivas são bastante positivas: já existe uma empresa multinacional interessada em desenvolver a tecnologia.

O procedimento já foi detalhado em artigos científicos publicados em periódicos internacionais. Quem quiser saber mais sobre aspectos científicos da pesquisa pode acessar os links:

http://pubs.rsc.org/en/content/articlelanding/2015/tb/c4tb01884b#!divAbstract

http://pubs.rsc.org/en/content/articlelanding/2016/tb/c6tb01435f#!divAbstract


Outras notícias

UFPR nas Redes Sociais

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Flickr RSS UFPR UFPR no Youtube UFPR no Instagram
Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299 | CEP 80.060-000 | Centro | Curitiba | PR | Brasil | Fone: +55(41) 3360-5000
UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Setor de Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299
CEP 80.060-000 - Centro
Reitoria da UFPR - Curitiba - PR - Brasil
Fone: +55(41) 3360-5000

Imagem logomarca da UFPR

©2017 - Universidade Federal do Paraná

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pelo Centro de Computação Eletrônica da UFPR