Universidade Federal do Paraná

Menu

Ensino e Educação

Conferência no Setor Litoral vai discutir novas formas de educação

Superintendência de Comunicação Social     26 de maio de 2017 - 15h13

A UFPR Litoral vai sediar, de 1° a 3 de junho, a II Conferência de Alternativas para uma Nova Educação (Conane) Caiçara. O evento acontecerá em Matinhos e contará com a presença dos educadores José Pacheco, Celso Vasconcellos, Sonia Goulart, Thatyana Gouvêa, Marcos Vaz Pinto e Fernanda Pasquale.

A Conane Caiçara é uma edição regional da conferência nacional e foi realizada pela primeira vez  em 2016, em Morretes.  Segundo a professora Lenir Maristela da Silva – que organiza a conferência regional ao lado do professor Valdo Cavallet –, o evento tem o objetivo de integrar, dialogar, compartilhar e aprofundar conhecimentos e vivências em novas alternativas educacionais. “É uma proposição coletiva de um conjunto de educadores e educadoras que partilham do princípio da educação como um caminho de transformação e emancipação humanas. Os princípios que fundamentam esse movimento são integralidade, solidariedade, diversidade, realidade, democracia e dignidade”, afirma.

A terceira edição nacional do evento será realizada na UNB, em Brasília, entre os dias 15 e 17 de junho. Mais informações: http://conane.pro.br/

Iniciativa local

Após participarem do I Conane Caiçara, alguns estudantes de pós-graduação do Setor Litoral decidiram investir em um projeto de educação inovadora para seus filhos. Assim surgiu a Comunidade de Aprendizagem Maria da Restinga (Coamar), que oferta atividades para crianças de dois a seis anos de idade, no período da tarde, promovidas pelos pais, que se revezam por escala, uma educadora e voluntários da comunidade acadêmica.

Fernanda Pasquale, mãe de Naruê e Mainá, que participam do projeto, explica que os pais participantes do projeto precisam se envolver tanto no cuidado com as crianças como na estruturação intelectual, física e prática das atividades. “A iniciativa não é feita para aquelas famílias que querem um lugar para deixar as crianças. Aqui é fundamental a participação dos pais no desenvolvimento do projeto e no cuidado com as crianças”, diz Fernanda, que é responsável pela escala de participação DOS pais e demais voluntários. Esse envolvimento permite que, além do cuidado cotidiano, sejam ofertadas atividades como musicalização, yoga, expressão corporal, agroecologia, entre outros.

Atualmente o projeto atende dez crianças e o sonho do grupo é ampliar a oferta, estendendo as atividades até o período noturno. “a maior parte dos cursos de graduação da UFPR Litoral é noturna e muitas pessoas deixam de estudar por falta de um espaço que dê atenção às crianças nesse período”, diz Fernanda.

Além do projeto Coamar, outras iniciativas fomentam a discussão e o estudo de novas formas de educação no Setor Litoral. Uma delas é o curso de especialização em Alternativas para uma Nova Educação, que derivou do movimento brasileiro e latino-americano por uma nova educação, e a Interação Cultural e Humanística (ICH) sobre o mesmo tema, da qual estudantes de qualquer um dos cursos de graduação do Litoral podem participar semanalmente, nas manhãs das quartas-feiras.

 

 

 

 


Outras notícias

UFPR nas Redes Sociais

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Flickr RSS UFPR UFPR no Youtube UFPR no Instagram
Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299 | CEP 80.060-000 | Centro | Curitiba | PR | Brasil | Fone: +55(41) 3360-5000
UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Setor de Universidade Federal do Paraná
Rua XV de Novembro, 1299
CEP 80.060-000 - Centro
Reitoria da UFPR - Curitiba - PR - Brasil
Fone: +55(41) 3360-5000

Imagem logomarca da UFPR

©2017 - Universidade Federal do Paraná

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pelo Centro de Computação Eletrônica da UFPR